Bolinhos de cenoura com coentro e queijo de cabra

Nunca fui muito fã de cenoura, mas esses bolinhos conquistaram meu coração! Leves, crocantes, suculentos e cheios de sabor. Receita facílima e bem versátil em termos de ingredientes. O queijo de cabra, por exemplo, pode ser facilmente substituído por queijo coalho e os bolinhos vão ficar tão maravilhosos quanto esses ou ainda melhores. Eles ficam perfeitos acompanhados de bastante rúcula e um molhinho de limão siciliano, que também vou ensinar aqui.

Ingredientes (bolinhos)

  • 4 cenouras grandes raladas grosseiramente
  • 1 cebola média picadinha
  • 1 maço de coentro picadinho
  • 2 ovos batidos
  • 20 g de farinha de trigo ou de grão-de-bico (ou um pouco mais se necessário)
  • 250 g de queijo halloumi ou queijo coalho
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 1 punhado de folhas de rúcula
  • 1 colher de sopa de sementes de coentro moídas
  • sal e pimenta-do-reino a gosto

Ingredientes (molho)

  • 1/2 dente de alho amassado
  • 1 colher de sopa de mel
  • 1 colher de chá de mostarda
  • suco e raspas finas de 1 limão siciliano
  • pouco mais de 1/4 de xícara de azeite de oliva
  • sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo

Rale grosseiramente 50 g do queijo e misture à cenoura ralada numa tigela. O restante do queijo, corte em fatias de mais ou menos 1 cm de espessura e reserve. Acrescente os outros ingredientes à cenoura – exceto a rúcula e o azeite – e misture bem, porém levemente. Forme bolinhos na palma da mão, tentando achatá-los um pouco, como se fossem pequenos hambúrgueres. coloque-os num tabuleiro ou prato grande e, caso não esteja com pressa, coloque-os na geladeira por uns 30 minutos antes de fritá-los.

bolinhos-de-cenoura_23858921964_obolinhos-de-cenoura_23860297643_o

Deixe também o molho já pronto. Basta misturar todos os ingrediente e bater um pouquinho. Na verdade, essas são as quantidades e medidas que estavam na receita original, do livro Meu primeiro jantar vegetariano, de Alice Hart, mas quando provei achei muito ácido e fui ajustando o sabor acrescentando um pouco mais de mel, de azeite e de sal, até que ficasse bom. Então vá testando. Acho que depende do tamanho do limão. Ah, e talvez fique bom também com limão-taiti, mas eu nunca testei.

Aqueça em fogo médio-alto uma frigideira antiaderente com 3 colheres de espátula para fritar os bolinhossopa de azeite ou qualquer outro óleo. Com cuidado, transfira os bolinhos para a panela, de preferência com a ajuda de uma espátula, ou qualquer coisa que seja plana embaixo. Tentei fazer usando uma escumadeira normal, daquelas um pouco côncavas, mas foi uma tarefa bem difícil. Digamos que foi a pior parte da receita e alguns bolinhos até desmontaram. A espátula  ajudaria bastante nesse momento (tipo essa terceira que aparece na imagem ao lado, plana e furadinha). Frite os bolinhos por 2 minutos de cada lado e coloque-os num prato forrado com papel-toalha. Para que eles não esfriassem enquanto eu fritava os outros, coloquei-os no forno aquecido a uma temperatura não muito alta, só para mantê-los quentinhos. Talvez aí no Brasil não precise disso, mas aqui, com os 9 graus negativos que fizeram hoje, essa parte foi fundamental. Tudo bem que dentro de casa não é tão frio assim, mas acho que só de os bolinhos olharem lá pra fora já congelariam. Melhor colocar no forno.

Depois de fritar todos eles (os meus renderam 14 unidades), é hora de grelhar as fatias de queijo. Na mesma panela, mas sem colocar óleo, frite as fatias de queijo também por dois minutos de cada lado. No caso do queijo coalho, não sei se seria esse mesmo tempo, mas é só ir olhando até que eles fiquem douradinhos dos dois lados.

bolinhos-de-cenoura_24487105985_o

Para montar o prato, faça uma pequena torre, colocando um bolinho, uma fatia de queijo, outro bolinho, outro queijo e mais um bolinho. Pode colocar também umas folhinhas de rúcula entre eles e por cima, para ficar bonitinho. Regue com umas gotinhas do molho e está pronto! Estes bolinhos podem ser o prato principal, no caso dos vegetarianos, ou um lindo acompanhamento para um bife grelhado ou um franguinho.

“Extras” sobre a receita

  • No momento de fazer os bolinhos com as mãos, pensei que fosse dar perda total. Porque mesmo tendo colocado um pouco mais de farinha, eles não dão exatamente uma “liga”. Parece que as cenourinhas raladas estão soltas, e estão. Mas faça a melhor bolinha achatada que você puder (vai escorrer um caldo), coloque no prato/tabuleiro e confie. Vai dar tudo certo. Ok… tive algumas baixas. É um pouco difícil de lidar com eles sem a tal espátula. Usei uma colher de sopa e a escumadeira para colocá-los na frigideira. Dois deles desmoronaram na hora de fritar, mas aí é só deixar assim mesmo e comer esses sem montar a torre, que o sabor é o mesmo. Mas os outros 12 deram certo. :)
  • Eu nunca tinha experimentado esse tal de queijo halloumi que estava na receita, mas como foi fácil de encontrar no supermercado, resolvi comprar para provar. E adorei! É um queijo grego, bem clarinho, feito de uma mistura de leites de cabra, ovelha e vaca. Tem ubolinhos-de-cenoura_23858923664_oma textura meio durinha, fibrosa, como se fosse aquelas bolas de mussarela, que vão soltando umas fibras ao partir. É muito consumido grelhado mesmo e fica delicioso assim. Não é muito salgado: bem menos do que o queijo de cabra normal. Mas tem o gostinho característico dele. Adorei ter experimentado. É mais caro que os outros, mas não tão absurdo: paguei 2,99 euros por 230 g. No Brasil, não sei onde encontrar, mas o nosso queijo coalho não perde para esse, não. É só fazer do mesmo jeito, com fatias finas e bem douradinhas. Deu até saudades agora…
  • As sementes de coentro moídas dão um sabor mais fresco e um cheirinho bolinhos-de-cenoura_24404706111_omaravilhoso para qualquer prato. Eu uso muito também para temperar tomates e saladas em geral. Adoro!!! Não é muito comum, mas vale a pena ter em casa. Em guacamoles também fica muito bom. E nessa receita dá todo um aroma especial e combina demais com as cenouras. Mas também não é indispensável. Caso não tenha, faça sem e também vai ficar ótimo. Ah, e o sabor não se parece em nada com o das folhinhas de coentro. Aliás, para os que não gostam desse polêmico temperinho, acho que dá para substituir por salsinha.
  • Acho “4 cenouras grandes” uma medida muito imprecisa. Gosto de receitas que falam em gramas. Talvez seja coisa de virginianos, mas isso me irrita. Então, imaginando que duas cenouras pequenas devem formar uma grande, peguei todas as que vieram na caixa surpresa n°2 e ralei no ralo mais grosso do processador de alimentos (que não é tão grosso quanto aquele ralo manual). Talvez tenha sido muita cenoura e por isso acabei tendo que colocar mais farinha. Mas como esqueci de pesar as cenouras e também de medir a farinha que coloquei a mais para informar aqui, é melhor ir dosando a farinha até que as cenouras fiquem um pouquinho mais “unidas”, mas ainda meio soltas. É assim mesmo. Meio estranho, mas no final dá tudo certo!

bolinhos-de-cenoura_24487104265_o

Beijos, e espero que gostem! :)

Anúncios

6 comentários sobre “Bolinhos de cenoura com coentro e queijo de cabra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s