Torta de Limão

Passando essa temporada aqui no Rio, redescobri uma das tortas que mais amo na vida: a torta de limão do restaurante Viena. Sou louca por torta de limão em geral, mas igual a essa eu nunca comi. Enquanto eu morava aqui, nunca perdia uma oportunidade de saboreá-la. Se via um Viena num shopping, lá estava eu procurando a tal torta. Mas na Holanda ela virou apenas uma saudade. Lá não tem sequer uma prima distante dessa delicinha para matar a vontade. Então, um desses dias, tive a brilhante ideia de jogar no Google “torta de limão viena” e lá estava ela, a receita, no site do próprio restaurante! Não tive dúvidas: preciso testar. Minha mãe me ajudou no “laboratório” e o resultado foi maravilhoso. Confesso que não esperava que fosse dar tão certo. Agora, depois de já ter feito pela segunda vez em menos de dez dias, aperfeiçoei alguns detalhes e acho que cheguei à minha versão final. Já vi que vou repetir muitas vezes essa receita, pois fez sucesso na família! Além de representar a minha independência do Viena, já que agora vou poder comer até na Holanda e sempre que der vontade. :)

torta-de-limo_38475114484_o (2)

Ingredientes da massa

  • 1 e ½ pacote de biscoito de maisena
  • 220 g de manteiga

Ingredientes do recheio

  • 1 lata de leite condensado
  • 9 gemas
  • 5 colheres de sopa de suco de limão (2 limões e meio, mais ou menos)
  • Raspas de 1 limão
  • 1 e ½ colher de chá de maisena

Ingredientes da cobertura

  • 4 claras
  • 10 colheres de sopa (120 g) de açúcar
  • Raspas de 1 limão para decorar

torta-de-limo_39182089401_o (2)

Modo de preparo

Massa: comece triturando o biscoito de maisena, até que vire um pó. Eu usei o liquidificador, mas também dá certo no multiprocessador ou até batendo nele dentro de um saco com rolo de macarrão. Aqueça um pouco a manteiga, mas não precisa derreter completamente – basta que fique mais molinha. Misture aos poucos a manteiga ao biscoito, até que se forme uma massa homogênea e possível de ser modelada. Talvez seja necessário um pouco mais ou um pouco menos de manteiga para dar esse ponto. Forre então a fôrma com a massa e reserve na geladeira.

Recheio: Misture o suco de limão, a maisena e as raspas de um limão. Reserve. Separe as gemas e tire a membrana que envolve cada uma delas, para que a torta não fique com gosto de ovo. Bata bem, até que elas mudem de cor, virando um creme amarelo bem clarinho. Eu bato na batedeira, durante uns 15 minutos mais ou menos – só as gemas. Comece então a acrescentar o leite condensado e a mistura de suco de limão com maisena, alternadamente, sem parar de bater. Isso deve virar um creme claro e grosso. Despeje-o então na fôrma, por cima da massa, e reserve novamente.

Cobertura: bata as quatro claras em neve, durante uns 10 minutos, até que fiquem bem firmes. Comece batendo devagar e vá aumentando aos poucos a velocidade da batedeira. Acrescente então o açúcar aos poucos e continue batendo mais um pouquinho. Vai ficar bem consistente e brilhoso. Espalhe então, delicadamente, as claras em neve sobre o recheio, alisando com uma faca. Depois, forme uns “relevos” com a ponta, para que fique bem linda no final.

torta-de-limo_24322089737_o (2)

antes de ir para o forno

Asse a torta em forno pré-aquecido a 150°, por aproximadamente 35 minutos. Depois, deixe esfriar completamente ainda na forma e coloque na geladeira por pelo menos 4 horas. Ela fica gostosa bem geladinha. Quando for servir, desenforme com cuidado, salpique por cima do suspiro as raspas de mais um limão e se delicie! :)

Extras sobre a receita

  • Confesso que quando li a receita levei um susto com as 9 gemas. Odeio doces com gosto de ovos. Mas decidi tentar assim mesmo, por motivos de “vai que é esse o segredo do Viena…” E acho que era, porque o recheio ficou com aquela mesma textura que eu nunca encontrei em nenhuma outra torta. Deve ser isso o diferencial. E o sabor não nos lembra nem de longe que leva tantos ovos. Fica perfeita.
  • Da primeira vez que fiz, acho que deixei tempo demais no forno e a massa queimou um pouquinho no fundo. Fique atento a isso, para não correr esse risco.

    torta-de-limo_38306372475_o (2)

    suspirão gigante, assim que saiu do forno

  • Logo que ela sai do forno, o suspiro ainda está super alto. Depois ele desce um pouco conforme vai esfriando. É normal.
  • Fiz numa fôrma de 24 cm de diâmetro e fundo removível.
  • As únicas coisas que modifiquei da receita original foram a quantidade de manteiga – coloco um pouquinho menos – e a quantidade de suco de limão – coloco um pouquinho mais.
  • Eu sei, eu sei… Não é uma torta rápida, mas as etapas são fáceis. Nada que exija muita habilidade. Só não aconselho fazer se você estiver com pressa. É melhor reservar umas duas horinhas para fabricar com calma sua obra de arte sabor limão. O resultado compensa cada segundo investido no processo. E cada gema também. rsrs

torta-de-limo_39155106022_o (4)

 

Vitor 1 (3)

Beijos e espero que gostem! :)

Anúncios

Cebolas assadas com casca e tudo

Esta é, sem dúvida, a receita mais fácil de todas que já postei aqui. Essas cebolas  assadas chegaram para desbancar os vegetais caramelizados deste posto de receita-mais-fácil-do-blog. Não é mais. Não sei nem se esta chega a ser uma “receita”, já que são apenas 3 passos e 3 ingredientes principais. Eu poderia até ensinar aqui, neste pequeno parágrafo, como fazer e o post já estaria completo. Mas vou colocar a lista dos ingredientes e o modo de preparo, só para ficar bonitinho. Continuar lendo

Sopa creme de abóbora

Eu achava que não gostava de abóbora. Isso, até eu provar essa sopinha maravilhosa da minha madrinha há alguns anos, na casa dela. Minha vida mudou. :) Até então, eu também achava que não gostava de gengibre, mas olha… o sabor que ele dá a essa sopa não tem igual! Só mesmo provando para saber. E todo mundo merece provar dessa sopinha um dia. :) Continuar lendo

Vegetais caramelizados na manteiga e mostarda

Que tal comer aquela cenourinha do dia-a-dia de um jeito diferente? E talvez ainda experimentar um vegetal não muito popular, como o funcho, por exemplo? E ainda dar uma chance para a tão rejeitada beterraba mostrar que pode ser gostosa? Essa é a receita! Provavelmente a mais simples e a mais fácil que já postei nesse blog até hoje, já que consiste, basicamente, em fatiar legumes e misturar manteiga, mostarda e uns temperinhos. É só isso. E o resultado não tem nem como explicar… Continuar lendo

Pimentões Recheados

Eu sempre costumo dar uma segunda, terceira ou até décima chance aos alimentos de que não gosto. Volta e meia vou lá e provo de novo. Com os pimentões minha relação foi assim. Em alguns anos passou da aversão total ao amor profundo. :) Ok, com algumas restrições… Ainda não gosto do verde e também não gosto deles crus. Mas eles recheados com carne moída bem temperada e um queijinho derretido por cima ficaram simplesmente irresistíveis! Continuar lendo

Sopa cremosa fit – ou não – de brócolis com abobrinha e salmão defumado (+ 2 vídeos)

Essa receita eu peguei do site de um supermercado daqui que eu adoro, o Albert Heijn. Lá tem milhões de receitinhas maravilhosas, como a da torta de alho-poró, que é um sucesso aqui no blog, e também a dessa sopa incrível, que agora vos apresento. :) E como toda receita holandesa, não poderia deixar de ser prática e super rápida de preparar. Mas essa ainda tem um toque opcional de requinte, que é o salmão defumado. E o “ou não” do título é porque você ainda pode colocar – ou não – creme de leite na receita. Continuar lendo

Taco mexicano – rápido e fácil

Aprendi esta receita com uma amiga mexicana muito querida, a Julieta, que também mora aqui na Holanda e trouxe um pouquinho do México para minha vida com esses tacos deliciosos. Depois que ela esteve aqui em casa e fizemos juntas uma vez, passei a fazer sempre, toda vez que dá vontade de um lanchinho diferente e gostoso, mas que não dê muito trabalho. Continuar lendo

Pastinha de beterraba – Jerusalém

No mundo das pastinhas, dips e patês, vivo procurando receitas novas e criativas para variar um pouco das tradicionais e surpreender tanto a mim mesma quanto a quem mais tiver a sorte de provar dos meus petiscos. kkkk. “Me achei”, agora, não é? Tá bom, exageros à parte, essa pastinha de beterraba é uma delícia! Apesar da simplicidade da receita, o resultado é um sabor único, intenso e suave ao mesmo tempo, e diferente de tudo que eu já havia provado antes. Continuar lendo

Cupcake de chocolate com café

Passei um tempo sumida aqui do querido bloguinho, mas estou de volta! Andei meio preocupada com o nosso momento político, que não está nada bom, e também com as minhas duas vovós, que resolveram ficar doentinhas ao mesmo tempo. Mas agora elas já estão melhorando, hoje é aniversário do meu paizão e o mundo merece esses cupcakes! Por isso, voltei. :) Continuar lendo

Melhor que ovo de páscoa – cookies!

Não só para a Páscoa, mas para sempre! Amo!! E o melhor de tudo: pode ser um presente lindo se colocado em potinhos fofos ou em saquinhos com um laço. Sou simplesmente viciada nesses biscoitos. Fresquinhos, saindo do forno e perfumando a casa inteira de baunilha e chocolate. Ai, ai… A vida é realmente melhor com eles. :)

A receita é muito fácil e o mais legal é que dá para fazer um montão e congelar a massa pronta, antes de assar. Continuar lendo